Cursos Magento

Suporte ao Magento 1 garantido até 2020. Tenho que me preocupar?

11 de setembro de 2018

Com a chegada do Magento 2 em Novembro de 2015, o mundo começou a se perguntar o o que aconteceria e quando a Magento encerraria o suporte ao Magento 1.

Magento 1 ou Magento 2: Qual eu escolho?

Como já mencionei aqui no Magenteiro no artigo acima, o suporte não acabaria antes de 2020.

Esta semana a Magento finalmente anunciou oficialmente a data para o fim do suporte ao Magento 1.

Quando acabará o suporte ao Magento 1?

O fim do suporte ao Magento 1 se dará em Junho de 2020. De acordo com o anúncio oficial, para lojas com Magento Commerce 1.x (conhecido como Enterprise – versão paga) o suporte incluirá melhorias de qualidade e atualizações de segurança.

Magento anuncia fim do suporte ao Magento 1

Magento anuncia fim do suporte ao Magento 1 – Post Oficial

Para lojas com Magento Open Source apenas patches de segurança serão disponibilizado até esta data.

Obviamente o suporte e segurança não se aplicam às customizações de loja, tampouco aos módulos instalados, o que incluí conformidades de segurança (PCI, SOC, etc) – sendo estas de exclusiva responsabilidade do lojista ou da empresa que mantém o Magento em questão.

O que isso significa na prática?

O Magento 1 é uma plataforma bem consolidada no mercado, e uma das plataformas de e-commerce de código aberto mais usada em todo mundo. No entanto isso faz com que sua segurança seja frequentemente testada e explorada – o que é normal em qualquer sistema usado em larga escala.

Atualizações de segurança (patches) são lançados quase todos os meses pela Magento para corrigir vulnerabilidades conhecidas.

Com o fim do suporte, estas correções somente serão disponibilizadas pela comunidade, e então podemos começar a ter problemas.

Devo continuar com Magento 1 ou migrar para Magento 2?

Lojistas em todo o mundo tem se perguntado a mesma coisa. E com o anuncio oficial da Magento, este pode ser um bom momento para começar a se preparar para mudança.

A migração pode ser dolorosa por conta da falta de módulos e customizações que eventualmente você tenha na sua loja. No entanto, vejo que muitos recursos que antes só estavam disponíveis em módulos, agora estão disponíveis no core da plataforma.

Além disso, o resultado de outras melhorias como o cache nativo, pode trazer bons diferenciais de performance para sua loja.

Planejar com antecedência certamente lhe trará bons frutos.

Conclusão

Quem já enfrentou problemas com segurança sabe que a maioria das invasões se dão através de falhas já conhecidas em sistemas não atualizados. E não estamos falando apenas de atualizações do Magento, mas também dos módulos que compramos. Portanto se você não costuma atualizar sua loja ou os módulos de terceiros que utiliza, isso pode não fazer muita diferença no curto, médio ou longo prazo. Isto é, até que você realmente precise. :O

Esta não é a hora de correr para se atualizar, mas sim de começar a se planejar para a mudança e aproveitar o que ela pode trazer de bom para seus negócios.

Se você é desenvolvedor(a), pode ser uma boa hora para se atualizar e aprender Magento 2. A demanda por profissionais capacitados em Magento 2 tende a crescer cada vez mais.

Ricardo Martins

Desenvolvedor web há mais de 15 anos, desde 2011 totalmente especializado em Magento, ajudo na criação de conteúdo, e cursos online sobre Magento - hoje com mais de 7000 alunos de 97 países - e criador do módulo PagSeguro Transparente para Magento, usado em mais de 12 mil lojas.

Últimos posts por Ricardo Martins (exibir todos)

Assuntos: |
Comentários